Lar ♦PEDRO GOMES Pedro Gomes: As diárias da vereança; Reges R$ 44 mil, Nicanor R$ 36 mil e Jairo R$ 35 mil-, confira os demais
♦PEDRO GOMES

Pedro Gomes: As diárias da vereança; Reges R$ 44 mil, Nicanor R$ 36 mil e Jairo R$ 35 mil-, confira os demais

Nosso suado dinheirinho.

Não é de hoje que as diárias pegas pela vereança pedrogomense surpreendem os munícipes. De acordo com Portal da Transparência somente no ano passado a Casa de Leis abocanhou R$ 411.014,10 com diárias para vereadores e servidores durante todo o ano de 2023, de acordo com o Portal da Transparência.

Diárias é uma verba indenizatória que pode ser paga aos parlamentares, servidores públicos efetivos ou até comissionados para cobrir despesas quando precisam se afastar, eventualmente, do seu local de trabalho, com o objetivo de realizar alguma atividade profissional ou parlamentar ligada às suas funções públicas.

Mas, é nesse ponto que a edição deste noticioso e certamente os pedrogomenses ficam com inúmeras dúvidas se a ‘catação de diárias’ se encaixam nesse requisito mesmo. Os nobres vereadores são ágeis para pegar diárias e morosos para ajudar a solucionar os problemas que hoje a população enfrenta. A questão da frota escolar que sofre com a situação das estradas na zona rural para o tráfego de alunos. Nenhum vereador desses se prontificou para ir até o gabinete do prefeito William cobrar uma solução. Não é atoa que a população se mobiliza para reprova-los nas urnas em outubro. A grande maioria deles buscará a reeleição.

Pois bem. Não é de hoje que a vereança pedrogomense tem essa ‘fome’ descomunal pelas verbas parlamentares. Confira a comilança: O vereador Reges Nunes de Paula (PTB) se ‘serviu’ com R$ 44.565,05 somente com o benefício no ano passado. Reges portanto, foi o que mais ‘comeu’ do dinheiro público nesse requisito em 2023.

Já seu tio, Sandoval de Oliveira (MDB), ‘consumiu’ R$ 19.3 81,66. Jairo dos Santos (Patri) ‘abocanhou’ R$ 35.819,86 e Nicanor Farias (PSDB) ‘degustou’ R$ 36.635,95. Antônio Marcos Teodoro, o Marquinhos se ‘fartou’ R$ 18.655,73 e por fim, Tânia Fontoura (PP) ‘beliscou’ R$ 15.432,29.

Qualquer explicação para a gastança esbarra em uma realidade óbvia; cada parlamentar naquela Casa tem um dos melhores celulares que poucos pedrogomense daqui usufrui. Então, por que não aproveitar essa tecnologia, priorizando o ambiente virtual para evitar esse consumo exacerbado de diárias? Não faz sentido à gastança diante de tantas facilidades de comunicação a distância essa comilança do dinheiro público.

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

♦PEDRO GOMES♦POLÍCIA

Pedro Gomes: Polícia aprendeu homem por tráfico de drogas no centro

Prisão ocorreu numa via escura, onde usuários costumam frequentar para comprar e...

♦PEDRO GOMES

Pedro Gomes: Frio vai até terça-feira,16 e sem previsão de chuvas

A massa de ar polar que intensificou o frio na região Centro-Oeste...

♦PEDRO GOMES♦POLÍCIA

Pedro Gomes: Casal de namorados ficam feridos em colisão com caminhonete no centro; sem fraturas

 Escoriações e dor por conta do impacto. Um casal de namorados ficou...

Página Protegida Por Direitos Autorais. Proibido Copiar!